Diário FM completa 37 anos de operação em Ribeirão Preto

Tudo Rádio-Notícias do Rádio

Sábado, 17 de Junho de 2017 @ 10:14


Ribeirão Preto – Emissora está entre as FMs mais tradicionais do interior do país


Nesta segunda-feira (19) o rádio FM do interior de São Paulo completa mais uma marca importante. Na data será marcado o aniversário da Diário FM 99.7 de Ribeirão Preto, tradicional estação paulista que alcançou a marca de 37 anos no ar de forma ininterrupta. O dia também é importante para a cidade de Ribeirão Preto, já que 19 de junho também é aniversário do município (161 anos em 2017). A Diário FM está entre as maiores estruturas de rádio FM do interior do Brasil e é uma das principais bandeiras do rádio dentro do segmento adulto-contemporâneo. 


O início das transmissões da Diário FM ocorreu na madrugada do dia 19 de junho de 1980. Na ocasião a estação iniciou as suas operações executando a música “Eu Apenas Queria Que Você Soubesse” de Gonzaguinha, à zero hora daquele dia. Além da grade musical, faz parte da programação um noticiário para que os ouvintes estejam bem informados, além de promover e participar da maioria dos eventos culturais de Ribeirão Preto e Região, tornando-se atividade tradicional da emissora.


Hoje a Diário FM está entre as maiores audiências qualificadas do FM no interior do Brasil, tendo como foco principal a região de Ribeirão Preto. O seu sistema irradiante chama a atenção do mercado, estando entre as estações de maior alcance do interior brasileiro, com sua programação sendo sintonizada em localidades distantes mais de 150 quilômetros de Ribeirão Preto (sede da FM). 


A estrutura da FM está instalada no famoso “Morro da Conquista”, localizado entre Ribeirão e Sertãozinho. Além do longo alcance a situação técnica da Diário FM também confere à emissora uma cobertura de sinal local em localidades distantes até 70 km de sua torre (em linha reta).


A Diário FM pertence ao Mega Sistema de Comunicação, responsável também pelas rádios Conquista FM 97.7 e Mega FM 92.3 (todas de Ribeirão Preto).


 


Carlos Massaro

Voltar