SET Expo 2018 | Dia do Rádio é encerrado com painel que mostra a atuação do rádio como multiplataforma

Tudo Rádio-Notícias do Rádio – SET 2018

Quinta-Feira, 30 de Agosto de 2018 @ 07:46


São Paulo - Ações fora de ambientes digitais também foram destacados pelos palestrantes


O “Dia do Rádio” no SET Expo 2018 foi encerrado ontem (29) com o painel “Conteúdo: o Futuro do Rádio – Alternativas”, também moderado por Eduardo Cappia (SET/AESP/EMC). Nele, profissionais mostraram a atuação do rádio como multiplataforma e como os resultados obtidos hoje entre os ambientes digitais e analógicos foram alcançados por rádios dos grupos Jovem Pan, Band Rádios e RBS. Acompanhe:


Juliana Simomura, gerente de marketing do Band Rádios,  destacou em sua palestra “Tradição e Inovação no Mercado” que a “base de conteúdo é relevante”, ou seja, rádios como a Rádio Bandeirantes (que conta com mais de 80 anos) passaram com relevância por várias fases diferentes da comunicação, pois a sua base de conteúdo era importante e, a partir disso, foi adaptada a distribuição e disponibilidade conforme novas tecnologias surgissem.


A gerente de marketing do Band Rádios destacou que a marca é quem predomina hoje e não necessariamente uma rádio. Ou seja, a audiência busca e confia numa determinada marca (como BandNews FM, por exemplo) e busca o seu conteúdo em diferentes formatos de entrega. Juliana ainda destaca que o rádio segue relevante por sempre buscar a inovação, convergência e a acessibilidade.



Juliana Simomura fecha o painel no “Dia do Rádio” do SET Expo 2018 / foto: tudoradio.com


Carlos Aros, jornalista da Jovem Pan, destacou todo o processo multiplataforma vivido pela rádio, esta que realizou uma série de investimentos para realizar diferentes tipos de entrega. Aros destaca que a “Jovem Pan não é apenas rádio” e sim uma geradora de conteúdo com vários pilares, seja no entretenimento, jornalismo, entre outras frentes.


Aros destacou os novos hábitos de consumo da audiência, esta que tem proporcionado números expressivos para o conteúdo da Jovem Pan nas mais diferentes formas. O jornalista também mostrou como a programação da rádio ficou adaptada à essa realidade, como por exemplo os “diferentes formatos” do Jornal da Manhã, este que conta com variações conforme a faixa horária (no começo mais “news” com ping-pong de manchetes, na sequência entra a interatividade e a transmissão com imagens, depois com a conversa mais “solta” dos jornalistas, comentaristas e da própria audiência).



Carlos Aros durante a sua palestra no “Dia do Rádio” do SET Expo 2018 / foto: tudoradio.com


Luciano Costa (gerente de redes do Grupo RBS) também destacou a atuação multiplataforma, com destaque para os “cases” das emissoras Atlântida e Rádio Gaúcha. O profissional mostrou que as emissoras foram preparadas ao longo do tempo para diferentes entregas de seus conteúdos, com destaque para as mudanças na Rádio Gaúcha (o que geraram inclusive uma liderança geral de audiência em Porto Alegre, única “all-news” a conseguir esse feito). O profissional fala também que os veículos “devem ser tudo, inclusive rádio”.


Costa afirma que Rádio Gaúcha é um exemplo de atuação no online e no offline, esta última frente que pode ser incrementada através de outras experiencias, como o Gaúcha Sports Bar (onde a rádio vira um bar fixo em Porto Alegre, ligado ao esporte). A Atlântida, rádio de formato jovem, tem o ATL House (uma estrutura diferente montada no campus da PUC-RS). Nos dois casos, os projetos agregam para as marcas das rádios e geram novas receitas.


Gilberto Gonçalves de Souza (especialista em análise de audiência - AB 25+), também participou do painel e destaca a necessidade de que as pesquisas sejam modernizadas em suas metodologias, com a inclusão de novos itens que permitam saber mais sobre a audiência de rádio como, por exemplo, saber por onde o ouvinte pesquisado ouviu a rádio (qual dispositivo) e como (ao vivo, algum conteúdo como podcast, etc). 


Lembrando que o “Dia do Rádio” acontece tradicionalmente às quarta-feiras no SET Expo, na programação do congresso. Já a feira de serviços também conta com vários expositores da aérea de rádio (como Sinteck Next, Biquad, entre outros).


Daniel Starck


 


 

Voltar