Primeiro dia de palestras do Congresso da AERP tem temas envolvendo liderança, mercado, produção e conteúdo

Tudo Rádio - Associação

Sexta-Feira, 20 de Setembro de 2019 @ 13:08


Curitiba – Engenheiro da NAB, David Layer, destacou a mudança no comportamento da audiência do Rádio


O primeiro dia de palestras do 25º Congresso Parananense de Radiodifusão, que está sendo realizado em Curitiba, teve diversas palestras envolvendo temas como liderança, mercado, produção e conteúdo foram debatidos nos painéis. Um dos destaques desta quinta-feira (19) foi David Layer, engenheiro da NAB (National Association of Broadcasters), que mostrou como as smart-speakers (caixas de som inteligentes) estão mudando o comportamento da audiência de rádio. 


As palestras tiveram início logo após o período do almoço e os congressistas tiveram a oportunidade de conhecer experiências de sucesso nos EUA com David Layer, engenheiro da NAB (National Association of Broadcasters). O engenheiro mostrou como as smart-speakers (caixas de som inteligentes) estão mudando o comportamento da audiência de rádio. 


Layer, que é engenheiro e vice-presidente do Departamento de Tecnologia e administrador do Comitê de Rádio da NAB (National Association of Broadcasters), mostrou dados importantes sobre o comportamento do público nos Estados Unidos no uso das smart-speakers. Além disso, destacou como a combinação de rádio híbrido e digital podem ser um caminho promissor para o mercado radiofônico.


O primeiro dia de palestras do congresso também contou com os integrantes do Conselho Aerp Jovem, que apresentaram a missão do grupo e a importância do associativismo. Para a presidente do Conselho Permanente, que é presidido pela radiodifusora Aline Ruge, de Umuarama, o foco do grupo é criar um ambiente de renovação.


"É muito importante termos este espaço onde os jovens possam dar opiniões e pensar em como podemos reinventar o futuro do rádio. É uma missão muito importante", ressaltou Aline em sua fala.


Podcast também foi destaque no evento


A plataforma podcast passou a ter uma importância expressiva nos últimos três anos e foi será um dos pontos centrais de discussão no painel "Podcasts: mercado, produção e conteúdo". O painel teve a participação dos palestrantes Daniel Starck (tudoradio.com), Marco Tulio (ZYDigital), Ricardo Gandour (Rede CBN) e Rodrigo Tigre.


Daniel Starck, diretor do tudoradio.com, explicou que a produção de podcast não é um segredo para as rádios, mas afirmou que é preciso se especializar. "É importante conhecer a linguagem mais aceita pelos ouvintes dessa plataforma. É uma modalidade que tem chamado a atenção do mercado em todo o mundo, seja pelos números de audiência alcançados, assim como o faturamento crescente", explica.


Marco Tulio, diretor da ZY Digital, ressaltou que os podcasts abrem oportunidades para as rádios explorarem todo o seu potencial criativo de produção, inseridas no atual mundo digital de forma nativa e equipadas com todos os recursos de distribuição e monetização deste novo ambiente para construir um negócio moderno, desejado e sustentável.


Já Ricardo Gandour , diretor executivo de jornalismo da Rede CBN, reforçou o aspecto estratégico. "O podcast, que nada mais é do que um áudio sob demanda, mas com narrativa, ritmo e sonorização mais intimistas, é estratégico para nós como emissoras estarmos próximos da jornada informativa do ouvinte, especialmente dos mais jovens. O formato amplia nosso contato com o público e estimula a criatividade da redação e da produção como um todo".


A origem dos podcasts, os formatos e como monetizar foram abordadas por Rodrigo Tigre, gerente nacional da RedMas / Audio.Ad e presidente do comitê de áudio digital do IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau.



Ricardo Gandour (CBN), Rodrigo Tigre (Áudio.Ad), Marco Tulio (ZYDigital) e Daniel Starck (tudoradio.com) no painel sobre podcast / foto: tudoradio.com


Mercado


Encerrando o dia de palestras, Henrique do Valle, correspondente da Rede Band nos EUA, e Robson Ferri, fundador e diretor-executivo da RF Mídia, falaram de forma criativa, bem humorada e dinâmica sobre as perspectivas do mercado e a importância da união da criação, negócios e conteúdo.


A palestra "A realidade do mercado americano x perspectivas do mercado brasileiro", apresentou exemplos práticos de emissoras regionais que se reposicionaram como geradoras de soluções nas suas regiões e estão colhendo resultados acima da média do seu mercado. Outro destaque foi a ação de marketing "Linguiça FM", que em 15 dias movimentou todo mercado com apenas um outdoor, carro adesivado e umas vinhetas.



Robson Ferri (Agência RF) e Henrique do Valle (Music Nation / Reel World) em painel que comparou EUA com o Brasil / foto: AERP


 


Carlos Massaro

Voltar