Deputados homenageiam ACAERT pelos 39 anos de existência

ABERT

Quinta, 10 Outubro 2019 16:34


 


Empresários de rádio e TV e parlamentares participaram, na quinta-feira (10), da sessão solene em homenagem aos 39 anos da Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (ACAERT), na Câmara dos Deputados, em Brasília. Em discurso, o presidente da ACAERT, Marcelo Corrêa Petrelli, destacou a credibilidade dos veículos profissionais de comunicação.


"Os comunicadores são os grandes e verdadeiros influenciadores da opinião pública e, através dos nossos veículos, rádio, TV, jornal e portal, somos os grandes impulsionadores de vendas e resultados de marcas e anunciantes. Estamos alinhados com a transformação digital, entendendo que as redes sociais são importantes canais de comunicação, mas são nossos veículos as grandes referências na hora de informar, de checar os fatos, produzir informação, fazer a curadoria do conteúdo e nosso público reconhece essa credibilidade", disse Petrelli.


Já a vice-presidente da ABERT, Marise Westphal, lembrou o papel da ACAERT na defesa dos interesses da radiodifusão de Santa Catarina.


"Muitos são os temas que merecem a nossa atenção para que o rádio e a TV aberta continuem fortalecidos em nosso país. Parabenizo a ACAERT pela atuação contra ilegalidades cometidas por rádios clandestinas e comunitárias e pela valorização das pequenas emissoras, fortalecendo o setor e a programação regional. Outro ponto que não podemos deixar de citar é o empenho da ACAERT na missão de levar profissionalização e incentivo ao crescimento da radiodifusão em Santa Catarina”, afirmou. 


O deputado Darci de Matos (PSD-SC), autor do requerimento para a sessão solene, ressaltou o trabalho da associação estadual nos quase 40 anos de existência.


"Esse é um reconhecimento da Câmara dos Deputados pelo trabalho que a ACAERT faz em Santa Catarina, se preocupando com a comunicação, a informação, com o crescimento econômico e sustentável, e com a qualidade de vida da população catarinense", destacou o deputado.


O secretário de Radiodifusão do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Elifas Gurgel, também participou da homenagem. Ao lembrar a importância do rádio para a sociedade, Gurgel ressaltou a necessidade de aprovação do PL 8438/17, que obriga a inserção e ativação do chip FM em todos os celulares fabricados e montados no Brasil.


"O rádio traz credibilidade. O rádio brasileiro é um exemplo para o mundo. É o rádio que trabalha com muita seriedade para unir esse país", afirmou o secretário.


 


A ACAERT representa 258 emissoras de rádio e 22 de televisão de Santa Catarina.

Voltar